Translate

Rádio SENAMI

RÁDIO SENAMI ===>

Pesquisar este blog

O que você pode fazer em favor da Missão?

Visualizações de páginas da semana passada

quarta-feira, 28 de julho de 2010

27 de julho de 2010 _
relacionamento@portasabertas.org.br
www.portasabertas.org.br

"Agora, pois, SENHOR, que espero eu? A minha esperança está em ti."
Salmo 39.7


Eduardo,

Creio que muitos cristãos perseguidos fazem esse questionamento/afirmação. E nós também, em situações difíceis. Existem momentos em nossa vida que não vemos esperança alguma ao nosso redor. Nada nos inspira a prosseguir e passar pela dificuldade. Davi estava praticamente em uma situação de desespero. O coração ardia, sua angústia aumentava, ele pensava na brevidade de sua vida. Olhando para tudo isso, ele só podia dizer uma coisa: "Senhor, o que espero eu?". Podemos imaginar Davi dizendo: "Se eu sou tão frágil, se meus dias estão em Tuas mãos, o que mais posso fazer? A minha esperança está em ti". Vamos dizer isso também em nossos momentos de tribulação? "A nossa única esperança está em Deus".
Deborah Stafussi
Editora
Destaque na semana:

Butão propõe lei "anti-conversão"
BUTÃO (12º) -
Os cristãos desta nação, ainda desejosos de praticar abertamente sua fé, ficaram desanimados este mês quando o governo propôs o tipo de lei "anti-conversão"...
Norte-coreanos sofrem com a miséria do país
COREIA DO NORTE (1º) -
A Coreia do Norte está chegando a um limite. Um representante da Portas Abertas conversou com um cristão norte-coreano. Nos últimos meses, ele testemunhou uma grande mudança em seus compatriotas: "Caos e pânico absolutos"...

VAMOS ORAR
MALÁSIA
- O risco é grande para quem quiser ajudar os ex-muçulmanos malaios. Esses ex-muçulmanos estão isolados, sem nenhum meio de crescer em sua fé, através da comunhão ou discipulado. Vamos pedir a Deus para preencher esse espaço vazio para eles.
40 dias de jejum e oração em favor da família
De 8 de agosto a 17 de setembro, a ATG, Agência de Transformação Global, irá realizar uma campanha de jejum e oração em favor das famílias brasileiras. Visite o site e participe!

Nenhum comentário: